Royal Enfield 650 Enduro

Royal Enfield 650 Enduro

Inspirada nas motos de enduro do passado, Oberdan Bezzi assina outro conceito com grande atenção aos detalhes, a sua versão Enduro da Royal Enfield 650 é decididamente fascinante.

Oberdan Bezzi, também conhecido como Obiboi é um designer de motos de profissão e, acima de tudo, por paixão; recentemente elaborou um novo conceito gráfico, uma ideia mais uma vez caracterizada pelo bom gosto e atenção aos detalhes, a Royal Enfield 650 Enduro.

OberdanBezzi (2)

A apresentação do novo projecto é nostalgia, pois hoje a definição “enduro” é atribuída a uma multiplicidade de modelos que “vão desde pseudo veículos todo-o-terreno a motos de corrida”. Ainda assim, na origem do termo, na Europa, em meados dos anos setenta do século passado, a Yamaha com a sua Ténéré seguida pelos demais fabricantes japoneses que juntos “passaram a propor os seus motores monocilíndricos quatro tempos, que eram vistos com desconfiança por fãs de… motos de regularidade, todas de dois tempos e justamente desprovidas de qualquer elemento além de… corrida ”, lembra Obiboi.

OberdanBezzi (3)

“Uma proposta de enduro da Royal Enfield poderá ser um grande sucesso ”, diz Obiboi. Nas fotos que acompanham a apresentação vemos um motor bicilíndrico com refrigeração a ar, com um quadro muito tradicional, suspensão com boa viagem, roda dianteira de 21″ (com um guarda-lama alto clássico) e traseira de 17″, com uma estética sóbria e elegante. O assento é confortável para dois e, especifica Obiboi, temos “muito poucos aparelhos eletrónicos e zero aparelhos tecnológicos”.

Em suma, conclui Obiboi, “uma pura enduro à moda antiga, tão simples, lógica e acessível que só pode ser absolutamente… Desejável”.