MotoGP: Rossi afirmou que irá correr na Petronas em 2021 e espera assinar contrato neste fim de semana

MotoGP: Rossi afirmou que irá correr na Petronas em 2021 e espera assinar contrato neste fim de semana

A novela estará próxima do fim. Valentino Rossi revelou nesta quinta-feira dia 24 durante a reunião com a imprensa para o GP da Catalunha da MotoGP que espera assinar o contrato com a equipa Petronas SRT ainda neste fim de semana. O italiano ainda confirmou que resolveu o maior imbróglio na discussão com a Yamaha: quem da sua equipa se juntará a ele na próxima temporada.

Rossi será substituído por Fabio Quartararo, que corre atualmente na Petronas, em 2021. O francês assinou um contrato de duas temporadas para ocupar a vaga do italiano na equipa oficial da Yamaha.

No início da temporada, em julho, Rossi disse que tinha 99% de certeza de que seguiria no Mundial com a Petronas, mas o anúncio oficial não aconteceu até ao momento devido a dois problemas: a produção de um contrato em três partes (Rossi, Yamaha e Petronas), além do debate sobre quais pilotos da equipa de Valentino poderiam juntar-se a ele no próximo ano.

Perguntado nesta quinta-feira sobre a situação do contrato, Rossi admitiu que ainda há “algo para resolver”, mas que espera pôr um fim neste fim de semana.