24 de setembro de 1948: As origens da Honda

24 de setembro de 1948: As origens da Honda

A 24 de Setembro de 1948, o Honda Technical Research Institute, criado em Hamamaatsu em 1946 por Soichiro Honda, dava origem à Honda Motor Company. Para trás ficava a paixão pelos automóveis, que levou o jovem Soichiro a preparar carros de competição em 1937, antes de criar a Tokai Seiki, que produziu segmentos para pistões, mas teve alguns problemas de qualidade.

Não desistiu, visitou várias fábricas e aprendeu depressa os segredos da produção em massa. Durante a II Guerra Mundial a Tokai Seiki trabalhou para o Governo Imperial e a Toyota assumiu uma presença activa na fábrica. Soichiro Honda foi subalternizado, mas os contactos com a produção de motores de aviões e com a indústria naval, controlada pela Toyota, acabaram por ser muito úteis no final do conflito.

img_944

A fábrica construída em Yamashita foi destruída por um bombardeamento americano em 1944 e a de Ytawa colapsou com um tremor de terra em 1945. Nessa altura, Soichiro Honda criou o Honda Technical Research Institute que, apesar do nome pomposo, apenas contava com 12 pessoas que trabalhavam numas instalações exíguas, onde eram montadas bicicletas com motores produzidos para gerar electricidade durante a Guerra.

 
Quando estes motores acabaram, a Honda criou uma réplica, e a partir daí deu o salto para a produção de motos, que começou em 1949 com a D-Type. A C-100 de pequena cilindrada foi introduzida em 1953 e em 1959 era a moto mais vendida no mundo. Uma década depois surgiu o primeiro veículo de quatro rodas, a pequena pick up T360.
 
img_945
 
Hoje a Honda é uma referencia no campo da tecnologia e a sua atividade vai para além das motos, onde continua a ser uma referência, e dos automóveis, passando também pela produção de motores e pelo sector aeronáutico.
 
aquelamaquina