MotoGP: Marc Márquez reaparece mostrando a sua cicatriz e visivelmente mais magro

MotoGP: Marc Márquez reaparece mostrando a sua cicatriz e visivelmente mais magro

Dois meses e três dias. Este é o tempo exato que passou desde que Marc Márquez voou da sua Honda RC213V durante o Grande Prémio de Espanha, quando ele corria para uma recuperação digna, um esforço que não teve a recompensa esperada e que deixou o piloto de Cervera prostrado na curva quatro do circuito andaluz com o úmero direito dividido em dois.

Tentou competir uma semana depois, 72 horas depois de passar por uma cirurgia no Dexeus em Barcelona, ​​um regresso surpreendente e deslumbrante que não aconteceu, quando Marc percebeu que não conseguia controlar os 270 cv do seu protótipo com o braço direito nesse estado.

Tudo sido indicado que iria descansar duas semanas para tentar novamente em Brno, mas depois veio o segundo revés: a placa de titânio que fixou o úmero partiu ao tentar abrir uma janela em casa, o que obrigou Marc a sofrer uma nova intervenção que, desta vez, confirmou a sua ausência das pistas por um período mínimo de dois meses.

Agora, às portas do Grande Prémio da Catalunha, onde possivelmente veremos Marc a visitar a box da Repsol Honda, o espanhol deu uma entrevista para o departamento de comunicação da sua equipa chamada ‘Ask Márquez’, um questionário que em breve poderemos ver e ouvir que foi gravado no seu jardim.

Antes de publicar a entrevista, a Repsol partilhou várias fotos e vídeos da sessão em que Marc pode ser visto vestido com as cores da equipa e com a cicatriz da operação no braço direito exposta. É claro que estes meses de inatividade prejudicaram o físico do catalão, que reapareceu visivelmente mais magro nas fotos partilhadas pela Box Repsol.

De qualquer forma, Marc já teve a oportunidade de regressar ao treinamento físico há uma semana, quando completou os primeiros 30 minutos de corrida. Posteriormente, o piloto Honda também publicou fotos dele a treinar com a sua bicicleta, protegendo o braço direito com a armadura de fibra de carbono que usa desde a segunda intervenção para evitar males maiores naquela área.
 


Por enquanto, Marc ainda está indo com calma. O piloto catalão poderá receber o ‘OK’ dos médicos para o experimentar no dia 11 de outubro no Circuito de Le Mans, em França, se a reabilitação continuar nos prazos estabelecidos. O espanhol pode assim reaparecer dois meses e uma semana após a segunda operação que foi submetida a 3 de agosto na Clínica Dexeus em Barcelona. Se a sua presença em França se confirmar, Márquez terá a oportunidade de participar num total de seis corridas até ao final do ano.