Aleix Espargaró marca um treino “apocalíptico”

Aleix Espargaró marca um treino “apocalíptico”

O alto nível que o Campeonato Mundial de Motociclismo está obrigar os pilotos a prepararem-se especialmente no aspeto físico. Não há tempo a perder. Uma das melhores maneiras de fazer isso é através do ciclismo, um dos desportos mais completos para aproveitar ao máximo a sua forma física.

Um dos pilotos que mais pratica ciclismo é Aleix Espargaró, que encontrou nele um dos melhores métodos de treino.

Tornou-se comum ver o piloto da Granollers a treinar ao lado de ciclistas profissionais em Andorra e, mesmo no ano passado, participou no Absa Cape Epic, que é considerado o mais importante evento de BTT do mundo. Não satisfeito com isso, este ano também participou na Epic do Mediterrâneo durante a pré-temporada do MotoGP.

Agora Aleix vai um passo além e decidiu inspirar-se no treino extremo que o atual campeão do Tour de France Egan Bernal fez no último mês. O ciclista partilhou nas redes sociais uma série de sessões de treino de longa duração que ele próprio passou a definir como Apocalipse.

Numa das ocasiões, Bernal enviou uma foto na Colômbia, anunciar que tinha percorrido 237 quilómetros em sete horas, pensando em preparar-se para a próxima edição do Tour de França, a ser realizado no final de agosto.

Aleix Espargaró treinou quase 10 horas, nas quais percorreu 300,3 km, uma distância que seria superior a dois GP e meio. O piloto da Aprilia fez uma rota por França, onde passou pelo Col du Madeloc acompanhado pela ST Grau Cycling Costa Brava. O espanhol conseguiu uma média de 32,3 km e subiu aos 3.657 metros.

A resposta do ciclista colombiano foi imediata: “Que classeeeeeee” acompanhada de vários emoticons de sofrimento.

Aleix Espargaró já demonstrou em várias ocasiões a sua paixão pelo mundo do ciclismo e, nos últimos meses, aumentou o seu treino nessa área. O piloto da Aprilia já comentou várias ocasiões que gostaria de se dedicar ao ciclismo profissional quando se retirar da competição de motociclismo.

Não seria de surpreender que nos próximos meses víssemos participar em mais eventos relacionados ao mundo do ciclismo, uma modalidade que ele pratica com bastante frequência e que serviu para melhorar a sua preparação física para o Grande Prémio.