(Vídeo) Bomba de gasolina da Galp regista combustível de forma indevida

O vídeo que apresentamos, tornou-se viral e mostra uma bomba de gasolina da Galp a contabilizar os litros de gasolina e o montante a cobrar sem que o dono da viatura esteja sequer a abastecer. “Era para ser enganado mas não conseguiram”, afirma o autor da publicação. Mas será o vídeo autêntico? Verificação de factos.

Um motociclista foi à Galp do Barreiro e aconteceu o seguinte… “Não paguei e fiz queixa. Apresentei o vídeo à polícia. Vamos ver quem engana quem. Eu era para ser enganado mas não conseguiram”, sublinha o autor num comentário.

Mas será o vídeo autêntico?

Sim. A Galp foi contactada, que confirmou tratar-se de “uma avaria de equipamento que, após recebido o aviso, foi de imediato colocado fora de serviço tendo sido prontamente efetuada a sua reparação. Assegurámos que o cliente que surge no vídeo não foi de modo algum lesado nem lhe foi cobrado qualquer valor. A Galp agradeceu o aviso e lamentou a ocorrência.”

 

Galp 2

“Todos os postos de abastecimento, incluindo as bombas, são objeto de inspeção periódica obrigatória com vista a verificar a conformidade com o projeto aprovado e a sua operação de acordo com as normas técnicas e condições impostas, sendo que cada inspeção comprova a conformidade através de um selo numerado e emissão do respetivo certificado”, esclarece-se na resposta enviada pela Galp.

Em conclusão, o vídeo é autêntico tendo a bomba registado combustível de forma indevida, não foi cobrado qualquer montante ao cliente por parte da Galp.

Poligrafo