A Norton Superlight SS com compressor será uma realidade

Confirmada a salvação de Norton Motorcycles, a Superlight SS chegará com motor de dois cilindros em linha, 650cc com compressor e quadro de carbono.

Se achou que a Norton Superlight 650 era uma moto exclusiva, aguarde para ver a última criação da marca britânica. É uma nova e exótica Superlight SS, uma versão mais poderosa que se destaca pela introdução de um compressor ao seu motor de dois cilindros e pelo uso de um quadro, um braço oscilante traseiro e um sub-quadro feitos inteiramente de fibra de carbono.

A Norton Superlight SS equipa um propulsor que deriva do 1200 cc V4 da Norton V4 RR, ou seja, temos um motor leve de dois cilindros, cada um com um curso maior (61,5 mm) para crescer 25 cc e, portanto, com um total de 650 cc, mantendo o seu diâmetro original de 82 mm, o que permite que esse propulsor rode até às 12.500 rpm.

NortonSuperlightSS-3

Embora este motor debite 105 cv como padrão, com a instalação de um compressor centrífugo Rotrex, juntamente com um intercooler para manter a temperatura do motor controlada, permite que este bicilindrico de 650 cc atinja os nada mais nada menos que 175 cv de potência e um binário de 125 Nm.

Segundo indicado pela Norton, o motor e a caixa de velocidades são os mesmos que equipa a V4 RR, estão perfeitamente preparados para assumir este aumento de potência de quase 70%.

Como vê nas fotos, a Norton Superlight SS é uma moto totalmente feita de fibra de carbono. O novo quadro pesa 47% menos em comparação com o tubular de alumínio da Superlight 650, e também há uma economia de peso significativa no quadro auxiliar e no braço oscilante, também feitos de fibra de carbono, assim como as jantes personalizadas da BST. A Norton garantiu que, apesar da mudança de material, a rigidez e a flexibilidade do quadro são idênticas às oferecidas pela estrutura de alumínio da Superlight 650.

NortonSuperlightSS-4

Apesar do trabalho da Norton para reduzir o peso total da moto, a adição do compressor cerca de três quilos mais o novo intercooler faz com que esta SS pese 159 quilos a seco, ou seja, um quilo a mais que a versão Superlight 650 com quadro de alumínio.

A parte do ciclo é simplesmente de competição. Na frente, encontramos uma forquilha Öhlins NIX 30 e, atrás, um mono-amortecedor TTXGP, dois elementos que oferecem todos os ajustes possíveis ao condutor. As pinças de travão são as potentes M50 da Brembo, um modelo de estrada mais avançado da marca italiana visto na Panigale V4.

NortonSuperlightSS-5

No nível eletrónico, a Norton Superlight SS equipa os mesmos auxílios que a versão padrão, ou seja, acelerador eletrónico, controle de tração, sistema ABS, controle de arranque, três modos de condução (Road, Sport e Pro Race) e um sistema de transmissão semi-automática com auto-blipper bidirecional. Todos os auxílios eletrónicos têm o seu controle feito através de um painel de instrumentos com um enorme ecrã de 7 ” de resolução HD.

A Norton irá fabricar apenas 50 unidades desta edição limitada Superlight SS a um preço de 58.000€. É mais que o dobro em comparação com o preço do Superlight 650, que começa em 22.400€.