Um motociclista morreu e outro gravemente ferido na reabertura do circuito de Paul Ricard

Como muitas pistas em toda a Europa, o Circuito Paul Ricard (França) abriu as suas portas pela primeira vez neste sábado passado, depois de quase dois meses de inatividade resultante da pandemia do coronavírus.

Para comemorar esta data importante de reabertura, o Circuito de Moto Clube Paul Ricard organizou dois dias de rondas gratuitas para motociclistas das 10h às 18h, um convite que acabou por ser um sucesso com mais de 200 participantes que se registaram durante os dois dias, um sinal de desejo que os motociclistas franceses tinham de voltar andar de moto.

Infelizmente, conforme noticiado pelo jornal Laprovence.com, o dia de sábado terminou em tragédia com resultado de um acidente no qual estiveram envolvidos dois motociclistas que participaram no evento destinado ao grupo mais rápido.

Tudo aconteceu na famosa reta Mistral, um dos pontos de velocidade máxima mais rápida de todo o circuito. Dois pilotos que estavam a rolar em um grupo de quatro colidiram no meio da reta e acabaram por cair. Um deles, 38 anos e mecânico de profissão, morreu praticamente no local depois de atingir diretamente uma das cercas laterais do circuito.

O segundo motociclista envolvido teve a assistência de circuito na mesma pista para ser posteriormente transferido de helicóptero para o Hospital Sainte-Anne, em Toulon, onde entrou em estado grave.