MotoGP: Jack Miller – A Ducati é 8 km/h mais rápida que a Honda dos irmãos Márquez

“A Yamaha alcançou a Honda. Mas no máximo da velocidade não têm hipotese contra a Ducati”, diz Jack Miller sobre o desempenho dos motores.

335,2 quilómetros por hora. Esta foi a velocidade máxima diabólica que Jack Miller marcou na traseira da Desmosedici GP20 no último dia da pré-temporada do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2020 no Qatar para confirmar o passo à frente que os engenheiros da Borgo Panigale tinham tido este inverno para voltar a ser a referência do campeonato que no ano passado tinha sido ameaçado pela Honda.

Esperando receber autorização do governo de Espanha e das autoridades sanitárias relevantes para iniciar o campeonato em 19 de julho no circuito de Jerez-Ángel Nieto, Miller, que até à semana passada era o único piloto capaz de treinar com uma moto durante o confinamento, garante à ‘Speedweek’ que não há nada da GP20 que não tenha sido melhorada em comparação à sua irmã antecessora.

“A moto funcionou muito bem. Eu fui o mais rápido em pista durante todos os dias e não sou o piloto mais ligeiro. Durante o teste de Losail, foi bom ver como os novos pneus Michelin se harmonizavam com a GP20. Ficou ótima depois de algumas corridas. Lembro-me de ter conversas pessoais e pilotos de outras marcas terem dito que tiveram problemas. É quase impossível fazer grandes progressos de um ano para o outro. Todas as motos estão perto do seu limite, com muitos detalhes. Mas a GP20 definitivamente melhorou em todas as áreas. Por exemplo, agora quase não perdemos tempo com as mudanças na condução. Os engenheiros da Ducati definitivamente resolveram esta fraqueza e a eliminaram-ma “, diz o homem de Townsville.

02

Da mesma forma, o piloto da Pramac Racing, que já poderia estar a negociar com Gigi Dall’igna para a sua promoção em 2021 à equipa oficial da região de Emilia-Romagna, garante que o desempenho do motor Yamaha seja o mesmo que da Honda, assim como destaca o progresso feito pela Aprilia: “Nas provas, a Honda não estava tão perto da frente quanto na temporada passada. Lembro-me do ano passado que lutei muito contra Marc e Cal, mesmo nas retas. Mas nos testes, foram 8 km/h mais lentos em média nas retas do que eu. A Ducati definitivamente deu outro grande passo no motor e a Yamaha alcançou a Honda. Mas, em velocidade máxima, eles não têm hipótese contra a Ducati. Em relação à Aprilia, fizeram o maior progresso, têm uma asa bastante grande na frente que certamente lhe dará mais potência ao motor. No entanto, foram bastante competitivos “.

Tabelas de velocidades:

POSIÇÃO PILOTO FABRICA VELOCIDAD 2020 (KM/H) VELOCIDAD 2019 (KM/H) DIFERENCIA (KM/H)
JACK MILLER DUCATI 355,2 342,8 12,4
DANILO PETRUCCI DUCATI 352,9 339,6 13,3
FRANCESCO BAGNAIA DUCATI 351,7 337,5 14,2
JOHANN ZARCO DUCATI 350,6    
ANDREA DOVIZIOSO DUCATI 349,5 341,7 7,8
ALEIX ESPARGARÓ APRILIA 349,5 337,5 12
TITO RABAT DUCATI 348,3 340,6 7,7
CAL CRUTCHOLW HONDA 348,3 343,9 4,4
MAVERICK VIÑALES YAMAHA 346,1 329,2 16,9
10º MARC MÁRQUEZ HONDA 346,1 343,9 2,2
11º ÁLEX MÁRQUEZ HONDA 346,1    
12º POL ESPARGARÓ KTM 346,1 336,4 9,7
13º ÁLEX RINS SUZUKI 346,1 333,3 12,8
14º BRADLEY SMITH APRILIA 345 333,3 16,7
15º VALENTINO ROSSI YAMAHA 343,9 336,4 7,5
16º BRAD BINDER KTM 342,8    
17º MIGUEL OLIVEIRA KTM 342,8 327,2 15,6
18º JOAN MIR SUZUKI 341,7 333,3 8,4
19º IKER LECUONA KTM 341,7    
20º TAKAAKI NAKAGAMI HONDA 340,6 335,4 5,2
21º FABIO QUARTARARO YAMAHA 339,6 329,2 10,4
22º FRANCO MORBIDELLI YAMAHA 339,6 336,4 3,2

*Fonte: MotoGP