Apex-RS: uma superbike elétrica de 190 quilos e 160 cv criada por estudantes

A EST – Electric Superbike Twente, uma equipa holandesa de competição e fabricante de motociclos, composta por estudantes das universidades de Twente e Saxion Applied Sciences, apresentou a sua mais recente criação: a Apex-RS, uma superbike de competição elétrica de alto desempenho que representa um salto gigante em relação à sua criação anterior, a Eclipse-GP.

Partindo de um quadro tubular de aço cromo-molibdénio do seu próprio desenvolvimento, a EST introduziu um novo motor elétrico personalizado com ímãs permanentes desenvolvido pelo AE Group capaz de produzir 800 Nm de binário na roda traseira e atingir 150 kW (201 cv), embora no modelo final tenha sido limitado a 120 kW (160 cv), associado a uma bateria de polímero de lítio de 13,2 kWh composta por 495 células.

ApexRS

Uma das metas estabelecidas pela EST com a sua nova Apex-RS era obter uma moto muito mais leve que a anterior Eclipse-GP, e o objetivo parece mais do que alcançado. A sua nova superbike elétrica perdeu 60 quilos para ficar em apenas 190 quilos, graças ao uso de elementos como as rodas de magnésio PVM, a carenagem de fibra de carbono muito leve herdada de uma Suter MMX 500, com toda a área traseira redesenhada, e tubos da forquilha de fibra de carbono criados pela CeraCarbon Racing com cartuchos interiores Öhlins. A travagem é realizada pelos compassos de calibre radiais de quatro pistões da marca HEL Performance.

Apex-RS

A Apex-RS apresenta-se como uma moto desportiva muito eficaz em pista, capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em menos de 3 segundos e atingir uma velocidade máxima de 250 km/h. O peso é muito inferior ao da Energica EGO Corsa aprovada para o Campeonato do Mundo de MotoE, uma moto com potência semelhante (160 cv) e um peso de cerca de 250 quilos.

Embora seja necessário qualificar um detalhe importante: a Apex-RS pesa 190 quilos, mas também possui uma bateria de apenas 13,2 kWh em comparação aos 20 kWh que a MotoE Energica monta; e é precisamente nesta seção, a das baterias, que mais influencia o peso final de uma moto elétrica.

Apex-RS-35

A Superbike elétrica Twente está a aguardar a diminuição da pandemia do coronavírus para que possa começar a testar a sua nova Apex-RS em pista ao lado do piloto Jorn Hamberg, responsável por defender este ano as cores da equipa. Curiosamente, a EST participa de vários campeonatos dentro e fora da Holanda, alguns deles na frente de motociclos de motores de combustão.